Por que o coelho é um símbolo da páscoa?

Você sabe por que o coelho é considerado um símbolo da páscoa? O Guia Listel Mais foi atrás de toda a história por trás dessa simbologia e conta tudo aqui.


11:36 - 16/04/2017Netsabe
Imagem relacionada

Os primeiros relatos do início desta tradição vêm lá de 1678, em registros alemães. Na tradição cristã, a Páscoa marca a Ressurreição de Jesus Cristo, trazendo significados de recomeço e vida nova. Mas, não partiu daí a associação do animal com o dia e sim na época dos cultos a deuses na Europa germânica.

Existia uma deusa, com o nome de Ostara, que simbolizava a fertilidade para os povos da região norte europeia e, em cultos direcionados a ela, tinha como símbolos os coelhos. A razão dessa simbologia se dá por eles serem um dos primeiros animais que saiam das suas tocas, ao fim do inverno, com o objetivo de reprodução, assim como sua capacidade de fecundidade.

Da mesma forma que o coelho era um símbolo para os pagãos, a prática de se entregar ovos pintados também era costume desses povos, mas com a intenção de marcar a chegada da Primavera. Em 325 depois de cristo (d.C.), no concílio de Niceia, a igreja, com o objetivo de aumentar o número de fiéis, adotou em sua tradição pascal a entrega de ovos com imagens de Jesus e Maria.

Com a descoberta do território americano e a migração de alemães, estes levaram consigo essa tradição que se popularizou e modernizou para o sistema capitalista com os ovos de chocolate. Hoje, não conseguimos dissociar a imagem do coelho, dos ovos e da Ressurreição de Cristo da Páscoa, já que para os três significados a possibilidade de recomeço e vida nova estão presentes.